True Detective: investigando o caráter humano

– Você nunca se perguntou se você é um cara mau? — HART, Martin
– O mundo precisa de homens maus. Para impedir a ação de outros homens maus.” — COHLE, Rust

Tem série que, ao longo de sua duração, consagra-se como aquela que todo fã de TV deve assistir. Tem aquelas que ganham sua eternidade depois de há muito terminadas. Há, no entanto, aquelas — e essa é uma categoria rara, é verdade — que já nasce como clássico. True Detective, uma das grandes apostas da HBO para esse ano, merece, e muito, fazer parte do hall de produções indispensáveis.

Contando com uma temporada de episódios — todos impecáveis — True Detective mergulha na vida e no trabalho dos detetives Martin Hart (Woody Harrelson) e Rust Cohle (Matthew McConaughey), que se conhecem e começam a trabalhar juntos por conta de uma estranha série de assassinatos. A série é primordialmente marcada por dois espaços temporais: 1995, quando os crimes acontecem e começam a ser investigados, e 2012, que representa o tempo presente.

Um dos grandes trunfos da série, e que faz com que ela se destaque em meio a tantas outras produções, é o seu ritmo diferenciado. Quem está acostumado a assistir séries com muita carga de ação pode ter um certo estranhamento ao se deparar com episódios mais densos de 1 hora de duração. Mas a história é tão bem contada e tem diálogos tão geniais que não tem como desgrudar os olhos por um minuto sequer. E a medida certa na construção da narrativa é garantida pela competência de Nic Pizolatto no roteiro e a direção de Cary Fukunaga.

true detective 1x04

True Detective é daquelas séries que você termina o episódio e ainda fica um bom tempo absorvendo todas as informações que são passadas. Pois apesar de ter um ritmo mais lento, a história contada é muito profunda e nos faz parar para pensar em cada detalhe.

A série se diferencia muito dessas outras que têm o crime como pano de fundo. Ela vai além ao explorar de forma muito aprofundada a relação entre os detetives, como essa parceria foi sendo formada e como se desenvolveu ao longo dos anos. Já que os episódios trafegam pelos dois espaços temporais, percebemos, nas nuances de cada um, como os anos que passaram mexeram com a vida e com a cabeça dos envolvidos. Essa é, portanto, uma série que vai investigar o caráter humano, acima de tudo.

E a dinâmica de trabalhar o passado e o presente é muito interessante e um diferencial da série. Nós entramos na história quando os detetives são chamados para depor sobre o caso, já que houve novas descobertas e desde o início paira a suspeita de que tem algo a mais por trás de tudo. Então, nós temos, alternadamente, cenas de 1995 e o depoimento de Hart e Cohle em 2012.

O caso de assassinato em si também é muito interessante, já que é regado de mistério. As vítimas aparecem mortas em locais cercados de símbolos que vamos descobrindo o que significam ao longo dos episódios. E como um mesmo caso é trabalhado durante toda a temporada, temos a oportunidade de conhecer muitos detalhes dele, que é bem intrigante.

Não dá para falar de True Detective sem mencionar o brilhante trabalho de Matthew McConaughey e Woody Harrelson. É fato que a atuação deles tem um peso essencial para o sucesso e a qualidade da série. Uma curiosidade é que quando os atores foram escolhidos para o papel, o roteirista já tinha dois episódios prontos. E, para que o texto ficasse bem a cara deles, Nic Pizzolatto reescreveu o que já tinha feito. E isso fica claro, já que eles se mostram muito a vontade com seus personagens.

Se você procura uma série inteligente, profunda e bem diferente do que costumamos ver na TV, não deixe de assistir e se surpreender com True Detective. E como a série apresentará histórias e personagens diferentes em cada temporada, é esperar que a segunda consiga manter o nível da estreia. Mas essa é uma equipe que já se mostrou muito competente no que faz.

Assistam à abertura da série, que é tão boa quanto os episódios:

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER