TVD 6×15 — Let Her Go

Liz Forbes era minha amiga. Em seus últimos momentos, ela me pediu para passar adiante uma mensagem para sua filha, mas eu a cortei antes que ela pudesse dizer muito. Eu disse que ela poderia dizer a Caroline pessoalmente, mas ela não teve essa chance. Sua mãe queria que você soubesse o quão orgulhosa que ela era, e ela deveria ser. Você é uma mulher bonita, forte, generosa, amiga e uma luz brilhante no mar de escuridão. Ela disse que você era extraordinária. E você é, e ela também. Liz era um heroina para esta cidade, ela era um heroína para todos vocês, e ela era um heroína para mim. Adeus xerife, você vai fazer falta.” SALVATORE, Damon.

Se a temporada de The Vampire Diaries não entrar na linha de vez agora, acho que não tem mais salvação. Com um episódio com as tramas certas sendo trabalhadas, igual a esse, os roteiristas nos mostram que ainda há motivo pra crer na volta da era de ouro dessa série que um dia já foi a maior crocância da CW.

Finalmente chegou ao fim da trama de Liz Forbes. Desde que começou, com toda aquela história do estudo do sangue vampiro curar o câncer e blá blá, eu sempre achei uma trama fora de contexto. De início até forçada. Ai Liz morre, a última ligação de Caroline com a vida humana, e o que acontece? A gente descobre na verdade que tudo isso só aconteceu para que houvesse uma vibe meio vadia desinteressada 2.0. Porque a loira resolveu desligar os sentimentos. E tudo isso depois de dar o beijo mais lindo da história de The Vampire Diaries no episódio passado.

Mas vamos por partes, porque Candice Accola e sua personagem estavam impecáveis nesse episódio. Eu não desconfiei em momento nenhum que Car desligaria (nunca pensei que fosse otário, fui otário), nem que ela quebraria o pescoço de Elena no meio de um abraço ou cantaria no funeral da mãe ou pensaria sobre o que rolou com Stefan e cobraria o Salvatore mais novo. O que mais me irritou disso tudo na verdade foi a reciclagem de trama. Damon e Elena já passaram pela fase turn off, e eu acho que já foi a cota suficiente para sabermos como funciona. mesmo que vá ser legal de ver, desligar a Care nada mais é do que um atalho de roteiro sem ideias. Uma saída fácil de roteiro pra enrolar um pouco mais com o casal do século. Só espero que não seja um Delena 2.0 porque ninguém merece esperar três temporadas pra finalmente rolar.

tvd6.15

Outra enrolada de roteiro foi pra trazer Bonnie de volta. Minha gente, desde que 2015 começou que a personagem tá lá presa no universo paralelo e a gente só conseguiu ver ela saindo de lá vário episódios depois de Damon ter voltado. Se eu tivesse amigos assim eu ficaria bolado pro resto da vida. Ainda mais que ela é a personagem que mais se sacrifica pelos outros na série. Mas foi maravilhoso ver o reencontro dela com Damon no fim do episódio e abraço, as panquecas, tudo. Foi lindo. E eu tenho certeza quando digo que o maior acerto de Julie Plec desde que assumiu The Vampire Diaries foi colocar esses dois juntos pra ir pra 1994, e criar essa amizade maravilhosa e improvável.

Falando em Damon, eu bem que suspeitei essa enxurrada de falatório sobre a mãe dele e Stefan, que sempre foi pouco citada na série. E agora o que eles me fazem? Inserem um flashback mostrando a cova da mãe, e um Mini Stefan bolado porque um Ian Somerhalder maquiado para parecer ter 15 anos não fez o discurso fúnebre, pra no final ela estar numa das prisões Gemini em 1902 onde o evento celestial místico é a Aurora Boreal. Um pouco forçado. Mais forçado ainda foi Bonnie ter conseguido gravar que era ela.

Os roteiristas depois de fundirem Kai e Luke, resolveram dar pra Kai o papel de figurante que pertencia ao segundo. O bruxo fodão só apareceu para morrer um pouco, vomitar sangue, fazer Bonnie cair acidentalmente na prisão da Mama Salvatore e dizer para Jo que ela estava grávida de Alaric depois de roubar o poder dela. Ok, não foi pouca coisa. Mas, saudades Kai malvado, saudades.

A série deu uma pausa e volta dia 12/03. Eu peço desculpa pelo atraso, tive problemas técnicos, e fico coma esperança de que Katherina Petrova vadia-mor da série esteja em um dos mundo-prisão Gemini. Você também não?

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER