Younger é a sucessora ideal para Sex and the City?

A comédia de Darren Star traz importantes discussões para a nossa era, que podem ter sido iniciadas por Carrie Bradshaw e suas amigas.

Nessa onda de revivals e reboots, talvez alguém tenha se perguntado se Sex and The City merecia uma nova chance na TV. Pois bem, para esses digo que não é necessário: assista Younger e seus desejos serão atendidos.

Para quem não conhece, Younger mostra Sutton Foster (Bunheads) como Liza, uma mulher recém divorciada de 40 anos que finge ser mais nova para se realocar no mercado. Sua chance de ouro está na editora Empirical, onde vai trabalhar com Dianna, a diretora de marketing.

Melhor teste EVER!

No entanto, ainda mais que Sex and the City, Younger fala sobre reinvenção e escolhas — acima de tudo, quais são os lugares do amor e da carreia na vida de cada um. Sem muito esforço, O Diabo Veste Prada encontra Cinderella, e assim como SATC, Darren Star explora identidade e sexualidade em tempos de compulsão e reinvenção das maneiras.

Assim como Diários de Uma Princesa ou Meninas Malvadas, Liza precisa criar uma nova identidade — não voltar para os seus 26 anos, mas viver essa idade nos dias de hoje — e prova que mais do que uma fração biológica, idade é fruto de escolhas e, principalmente, estado de espírito. Por isso, idade nada mais é do que uma construção social.

Retrato disso é a relação entre Liza e Kelsey, sua parceira editorial e amiga. A personagem de Hillary Duff começou como a mentora de Liza. Apesar de ser (secretamente) 15 anos mais velha, a protagonista vê na amiga o arquétipo do que ela quer parecer, e faz tudo para manter um vínculo autêntico, porque — apesar de manter o seu segredo a sete chaves — ela se preocupa com Kelsey tanto quanto Kelsey se preocupa com ela.

Mesmo Liza sendo a protagonista, Kelsey é o coração e alma da série.

Emocionada

A veia da serie, porém, não é a transformação de Liza, mas como ela mantém esse “disfarce”. Atualmente na terceira temporada, a personagem está ainda mais dividida entre o novo e a experiência com o triângulo amoroso entre ela, Josh e Charles.

Até porque não tem como resistir a isso.

Younger é um show que, assim como Sex and The City, mostra que cada um pode definir as suas prioridades. A família e as amizades, e o modo como conseguir apoio — mesmo nas situações mais estranhas; o mundo do trabalho e a conquista pelo respeito; as relações amorosas.

Além de Liza e Kelsey, Younger ainda tem Diana, a mulher bem sucedida mas solitária, Maggie, a lésbica que quer experimentar o mundo à sua maneira, e Lauren, a millenial que não vê limites para suas vontades. O que ser adulto significa, o que ser mulher significa, e o que crescer significa.

É a prova que, chegada a idade adulta, há diversas e ainda assim boas maneiras de se viver: chega do dilema de crescer, casar, ter filhos. Envelhecer não é sinônimo de derrota, assim como prolongar a juventude não quer dizer desperdício de tempo. Ou, como Samantha Jones diria, você é quem é quem escolhe como ter uma vida fabulosa.

DYVA

Sobre o Autor

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Personagem afeminado de Cavaleiros do Zodíaco será mulher em remake da Netflix.

Confira o que achamos da versão ilustrada de Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban em português.

Wanessa tá de clipe novo. E o clipe define o que "é ruim mas é bom".

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!