Grey’s Anatomy 12×09 — The Sound of Silence

The Sound of Silence foca na sua personagem principal e não erra.

Está tudo bem, Alex. Eu vou ficar bem”- GREY, Meredith

Sabe a sensação de ver algo bom? Grey’s Anatomy apresentou um dos episódios mais incríveis da temporada. Se no quesito roteiro a série não foi tão original, na direção deu uma aula. Tudo mérito do Denzel Washington e seu olhar.

The Sound of Silence começa com uma mensagem feminista forte. O cérebro masculino não reconhece o tom de voz feminino e, se continuarmos em silêncio, em inércia, nada tende a melhorar. Exigir ser ouvida e ter uma voz ativa foi o oposto do que aconteceu com Meredith.

Mer foi a estrela dos 40 minutos, e que show da Ellen. É tão bom ver uma atriz que, apesar de interpretar o mesmo personagem por 12 anos, consegue encontrar novas facetas e nuances para ele. Após ser atacada por um paciente pós-ataque epilético, Meredith é encontrada quase sem vida e o que vemos a seguir é tudo pela visão dela.

A agonia de estar imobilizada, sem poder escutar ninguém foi potencializado pela falta de áudio. Denzel abriu mão dos diálogos e nos colocou dentro da cabeça da protagonista. Conseguíamos enxergar somente por ela. E foi uma das melhores experiências de Grey’s Anatomy.

Os dramas foram atenuados e o roteiro ficou mais dinâmico e enxuto. As únicas cenas foram as que realmente importaram. Não ia aguentar April num xorôrô sem fim pelos papéis do divórcio, muito mesmo Amelia indo nas reuniões do AA.

O que interessou foi Richard Webber dando uma aula, Meredith não pode se culpar pelo resto da vida pela morte de Derek, por ficar sozinha e por ter ficado com o “pior Shepherd”. Ela precisa se perdoar e seguir em frente. Quando vimos ela chorando no quarto sozinha, foi a primeira vez que me dei conta de que ela é uma pessoa sozinha. Me peguei chorando também (quem nunca em Grey’s né?).

E Alex? Como lidar com a fofura desse ser? Confesso que não me importaria em ver ele e Mer juntos. A química entre os dois é mil vezes melhor do que com Jo. Mas é isso, eles são antes de mais nada amigos. E pensar que ninguém aguentava ele na primeira temporada.

Mer aprende a perdoar o paciente que não se lembra de nada. Foi uma cena linda e econômica. As vezes um simples aperto de mão resolve. Uma pena essa história com Amelia. As duas têm muito a resolver e prevejo muitos episódios até isso acontecer.

É isso. Grey’s recomeça da melhor forma, com a personagem principal em destaque e uma direção pontual. Confesso ter ficado com medo, eles não iriam matar Mer, mas nunca se sabe, né?

E você? Curtiu o episódio? Não esqueça de ver a promo do próximo!

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

A Fazenda voltou e o que esperamos? Memes! Mas será que os novos memes superam estes??? Clique e assista agora.

Será que você sobreviveria em American Horror Story 1984? Assista ao vídeo e prepare-se para a nova temporada.

Curiosidades de Euphoria, a série BAFOOOO da HBO.

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER