Luke Cage 1×04 — Step In The Arena

Em Step In The Arena descobrimos um pouco mais sobre o passado de Luke Cage.

Ninguém pode prender um homem que deseja ser livre.” CAGE, Luke

Enquanto Luke tenta salvar Connie dos escombros que estão sobre eles, temos a oportunidade de conhecer um pouco mais do passado do herói. Diferente do que aconteceu em Demolidor e Jessica Jones, os episódios anteriores da série não tiveram tantos flashbacks espalhados. A aposta aqui é mostrar uma história mais completa em um momento oportuno do roteiro.

Luke Cage - Step In The Arena

E deu bastante certo, primeiramente porque enquanto visitamos o passado temos várias referências da origem do herói nas HQ’s, os braceletes de ferro e o que parece uma tiara de metal usados no tanque em que Luke é colocado para ser curado e acaba saindo com super poderes, na verdade faziam parte do traje dele nos quadrinhos dos anos 70.

Nessa época ele também usava o cabelo black power com costeletas grandes, bem características da época. Quando Luke foge de Seagate, se vocês repararem a roupa que ele rouba do varal de um desconhecido também é muito parecida com o estilo que o herói usava nas HQ’s.

Em Step In The Arena também temos a oportunidade de descobrir que Luke Cage nem sempre teve esse nome. Quando ele é incriminado e mandado para Seagate seu nome ainda é Carl Lucas. Outra forte referência as histórias da série Hero For Hire, e se o roteiro continuar caminhando dessa forma podemos esperar mais episódios com flashbacks, dessa vez explicando como e porque Luke foi preso que provavelmente vai ter ligação direta com Diamondblack.

Ao mesmo tempo vemos a detetive Misty dando voltas sem conseguir encontrar uma saída para suas investigações, isso porque agora sabemos que Scarfe é um policial corrupto, mas sua parceira continua cega a esse fato. Seu interesse por Luke Cage e o fato dele estar ligado a quase todas as cenas de crime que ela investiga também não ajudam a detetive sair do lugar.

Nesse episódio — que em maior parte foi a história de origem do personagem principal -, podemos acompanhar o desenvolvimento de Luke com Reva e descobrimos que ela está envolvida inclusive com o médico que fazia experimentos nos prisioneiros de Seagate.

Também entendemos o porquê Shades não presta atenção no herói. Ele realmente acredita que matou Carl Lucas na prisão. Logo não consegue fazer a ligação direta entre o homem que conheceu e a ameaça à prova de balas que circula por Harlem.

Em resumo, Step In The Arena acaba funcionando dentro da série. Apesar de termos conhecido um pouco de Luke em Jessica Jones, é difícil se identificar com um herói que não tem uma origem bem contada. Nesse caso e nos demais casos das séries da Marvel em parceria com a Netflix esse campo tem sido bem trabalhado até agora nos dando uma visão aprofundada para nos conectarmos com esses personagens nada perfeitos desse universo.

Agora só falta você nos contar o que achou desse episódio e deixar uma nota para ele em nosso placar antes de seguir com a sua maratona. Até a próxima pessoal.

[taq_review]

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER