Masters of Sex 3×11 — Party of Four

Masters of Sex em um episódio incômodo.

Todas são diferentes até serem todas iguais.” — LOGAN, Alice

Depois da cena final do episódio anterior, tudo indicava que Bill Masters poderia ter uma guinada em seu comportamento. Seu desespero por estar perdendo Virginia parecia estar levando-o para atitudes mais humanas, mas estávamos enganados.

Parece que ele aprendeu direitinho a receita para se fazer uma ‘torta de climão’. Primeiramente, ficou claro o quanto a reunião para tratar sobre a publicação do segundo livro de Masters & Johnson foi monopolizada por ele. Fato que mexeu profundamente com Virginia, pois sabemos que com ela, trabalho é pessoal.

Depois, a colocou em um pequeno ambiente, junto a Dan e sua esposa amargurada. A partir daí foi uma série de diálogos que iam se encaixando como um quebra cabeças, ou melhor, como jogadas de xadrez. Alice, com sua breve, mas grandiosa (Judy Greer, que atuação!) participação, equilibrou a tristeza e o ar de desafio que só o ressentimento pode criar.

masters of sex

O passado de Logan era imaginável. Seu ar galante predizia seus muitos casos extra conjugais, Virginia considerava isso. Mas os relatos de Alice, escancarando para Virginia o padrão de personalidade no qual ela própria se encaixava, foi uma grande cereja para coroar a torta. Porque é claro que Virginia luta com Bill constantemente sobre sua necessidade de espaço na vida pessoal, mas ela também se compadece com o sofrimento alheio. Algo que, teoricamente, ela e Logan causam a Alice.

E o ‘duelo’ entre Masters e Logan. Um show de atuação, olhando-se nos olhos e desafiando-se. Foi um prato cheio para o episódio. Dan esteve certo em boa parte do diálogo. Deve, realmente, ser exaustivo elaborar tantas estratégias para ter uma mulher ao lado. E ainda assim, tê-la lutando por sua própria liberdade. Talvez ele pudesse pensar que a estratégia de Bill estava errada, por isso a muda. Dizer como se sente verdadeiramente, seria realmente um xeque-mate?

Mas, Bill conhece Virginia e sabe que, por mais que se compadeça da fragilidade, ela busca para si o desafio. Quantos antes já não tentaram declarar-se para ela e como sempre termina? Bill sabe que ao ameaçar o posto de Virginia no trabalho, poderá trazê-la de volta, que a dinâmica dos dois, antes de ser pessoal, é profissional. Quando o trabalho está bem entre eles, todo o resto também está. É estranho, uma relação esquizofrênica. Um precisando do outro para se equilibrar.

Mas, considerando tudo o que aconteceu até esse ponto da temporada, é preciso ver o próximo episódio para sabermos se Virginia rompeu com o padrão e arriscará, diante da incógnita que Dan Logan se tornou, ou se permanecerá sendo o contrapeso na balança de Masters.

Enquanto isso, Libby e Paul pareciam estar estabelecendo uma dinâmica familiar perfeita. O pequeno conto de fadas de Libby parecia estar tomando forma, quando o inesperado bateu à porta.

A insegurança de John diante do pai, o levou a agir impulsivamente, levando a atitude paterna de Masters a uma interpretação criminosa. Enquanto Paul enxerga uma possibilidade de liberdade para Libby, ela, como boa esposa da época, vê as consequências que um escândalo dessa magnitude pode trazer para seus filhos. Pois Libby pode até ter sido infiel (tal como Bill o foi), mas ela continua sendo leal ao caráter de seu (ainda) marido.

Nos resta esperar as surpresas que a season finale vai nos trazer. Até lá!

[taq_review]

Fiquem com o promo da season finale:

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Lidio Mateus, o brazilian singer da internet, comenta todos os bafos e segredos de sua carreira.

Tem série nova na HBO e os bastidores dela foram recheados de TRETAS. A gente conta todas neste vídeo.

Esse é o filme que vai ganhar o Oscar de filme estrangeiro. Neste vídeo comentamos Parasite. Assista!

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER