Os horripilantes Contos da Cripta

É hora de inovar aqui no Box Fechado, e trazer uma série de terror. Isso mesmo! Vocês se lembram da horripilante Contos da Cripta? Eu sei que a nossa editora Ana Emílio adorava…

Contos da Cripta foi criada a partir da adaptação dos contos da revista em quadrinhos Tales from the Crypt — que publicava histórias de suspense e humor negro.

A série foi muito popular nos anos 90 e conquistou inúmeros fãs do gênero horror.

Cada episódio, de meia hora, trazia um conto diferente. Veja alguns exemplos sinistros:

Episódio 01, 1ª temporada: O Homem que era a Morte

Episódio 07, 2ª temporada: Morte Certa

Episódio 31, 3ª temporada: O Vampiro Relutante

Episódio 40, 4ª temporada: Isto Matará Você

Episódio 64, 5ª temporada: Metade Horripilante

Episódio 74, 6ª temporada: Escadaria do Terror

Episódio 85, 7ª temporada: Terror na Noite

Contos da Cripta teve uma vida considerada longa — foram sete temporadas, que duraram de 1989 a 1996. Originalmente transmitida pelo canal americano HBO, ela teve 93 episódios no total, todos eles introduzidos pelo Guardião da Cripta (com a voz do ator John Kassir). Ele era um cadáver em decomposição que sempre saudava os telespectadores com trocadilhos banais.

Vários atores famosos passaram por lá: Patricia Arquette, Whoopi Goldberg, Teri Hatcher, Demi Moore, Brad Pitt, Christopher Reeve, Martin Sheen, Michael J Fox, Tom Hanks, Arnold Schwarzenegger, Brooke Shields, Mark Ruffalo, Daniel Craig, Ewan McGregor… e tantos outros mais.

Enfim, foi uma das mais importantes séries do gênero horror e que marcou profundamente toda uma legião de fãs de histórias de terror.

Assista à introdução:

Sobre o Autor

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Personagem afeminado de Cavaleiros do Zodíaco será mulher em remake da Netflix.

Confira o que achamos da versão ilustrada de Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban em português.

Wanessa tá de clipe novo. E o clipe define o que "é ruim mas é bom".

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!