OUAT 5×21 — Last Rites

Last Rites provou que se Once Upon a Time fosse uma série de comédia ela não seria tão engraçada.

Depois de assistir Last Rites me veio a seguinte pergunta: Pra que 10 episódios de submundo para ter um desfecho desses?

Não havia necessidade da Emma ter levado toda sua família para o submundo. Ter colocado a vida de todos em perigo. Levar todos a morte por um tempo quando o desfecho seria o mais preguiço e vergonhoso possível.

Na verdade, não havia necessidade de Emma ter ido para o submundo. Se o Hook morreu foi por ter merecido e ela não tinha nada que ter ido lá embaixo tentar salvá-lo quando ele não merecia.

OUAT 5x21

Mas, tratando-se de Once Upon a Time, eu não sei por que ainda me surpreendo com esse tipo de resolução de enredo. O problema novamente é o que eu citei em inúmeras críticas desde que descobrimos o motivo da Emma ter virado a Dark Swan: eles perderam a mão da série, a transformaram em algo sem pé nem cabeça e ainda por cima destruíram uma das melhores personagens depois de Regina Mills — que também já teve sua cota de destruição de personagem no decorrer da série.

Emma passou — literalmente — o episódio inteiro chorando por causa do Hook. Ela não pensava, agia por impulso e ainda era grossa e desnecessária com os outros. Desculpa a insensibilidade, mas ela não sofreu um terço quando o Neal o morreu e, teoricamente, ele era o seu amor verdadeiro.

Pelo primeira vez desejei que Emma tivesse ficado no submundo com o Hook e não voltasse nunca mais já que estava sofrendo com a morte de seu amor verdadeiro, enquanto Regina e sua família tentavam impedir Hades de tomar posse da cidade.

Last Rites me assustou. Pensei que também iriam fazer o favor de destruir a Zelena nesse episódio. Para alguém que não confiava no amor e achou que o Hades estava a usando só para descongelar seu coração e ser mal sem limites por aí da primeira vez, ela demorou para perceber que foi isso mesmo que aconteceu.

Não que eu duvide do amor do Hades pela Zelena, entretanto eles seriam Rumbelle 2.0 e a última coisa que precisamos no momento é de mais um casal totalmente controverso aos casais dos contos de fadas — da própria história de Once Upon a Time — que nem beijo de amor verdadeiro anda resolvendo os problemas quando, ainda, o beijo é o maior solucionador de problemas da série — ou no caso de Hades e Zelena, causador de problemas.

Sinceramente, se Once Upon a Time fosse uma série de comédia ela não seria tão engraçada, pois veja…

Arthur passou a temporada inteira sendo vilão, em nenhum momento mostrou arrependimento pelas coisas que fez, mentiu sobre o motivo dele estar sendo mantido preso pela Mérida para o Hades e, depois de ser morto pelo ex-deus do submundo, ele simplesmente acreditou que o reino destruído que ele teria que reerguer é o submundo? Rei Arthur virou o novo “dono” do submundo.

Tem como as coisas ficarem mais engraçadas? Pois eu digo que tem sim.

Hook mostrou que não mudou. Culpou a escuridão pelo seu comportamento, tratou a mulher que ele diz amar da pior forma possível e, só porque ele encontrou as páginas perdidas do livro que contavam como derrotar Hades, Zeus fez dele um herói e como agradecimento pelo seu excelente trabalho em ajudar a derrotar o Hades, foi lhe concedido voltar a viver.

Zelena,que enfiou o cristal no peito do homem que ela amava, mas o Hook foi considerado o herói da vez por ter encontrado as páginas do livro que contavam como derrotar Hades.

Coloca a risada de fundo das séries da CBS, porque eu ainda não acabei de comentar sobre tudo de engraçado que aconteceu nesse episódio.

Robin Hood que deu a sua vida para salvar a Regina do cristalzinho do mal do Hades morreu sem direito de volta. Morreu salvando seu amor verdadeiro. Trocou a sua vida pela da Regina, deixando dois filhos sem pai, mas Hook que foi o verdadeiro herói do episódio só por ter encontrado páginas escondidas do livro.

Aliás… Que Zeus horroroso! Mas para o Hércules e Megara que tivemos, não é uma surpresa também.

Once Upon a Time mais uma vez falhou na proposta da primeira temporada. Vilões realmente não tem seu final feliz mesmo depois de ter se regenerado. Regina é a prova disso. Mais uma vez perdeu seu amor verdadeiro. Não vou me surpreender se ela voltar para a escuridão.

Se eu fosse Regina Mills ficaria bem revoltada caso meu namorado morresse me salvando enquanto o namorado da Emma fez nada a temporada inteira e ganhou o direito de voltar a vida.

Veja a promo do episódio duplo de season finale.

[taq_review]

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Personagem afeminado de Cavaleiros do Zodíaco será mulher em remake da Netflix.

Confira o que achamos da versão ilustrada de Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban em português.

Wanessa tá de clipe novo. E o clipe define o que "é ruim mas é bom".

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!