Popular: Bem antes de Glee

Por Erika Ribeiro

Em uma época em que Roswell, Buffy e Dawson’s Creek era o máximo em termos de show adolescente, surgiu algo bem longe do dramalhão típico a esse tipo de série e com mais tempero e humor.

Criada por Ryan Murphy (Glee, Nip/Tuck) e co-roteiros de Gina Matthews (Do que as mulheres gostam/De repente 30), Popular foi uma tentativa arriscada pelo diferente, algo que, infelizmente, não deu certo e hoje ele tenta reprisar em Glee, mas com muito menos acidez. Popular era muito mais arrojada e irônica. E, com certeza, foi a tragicomédia adolescente mais bitch de todos os tempos.

A série mostrava o mundo dos adolescentes e a velha busca por identidade, valores e popularidade, tudo isso dentro da escola Kennedy High School. Para mostrar todos os pontos de vista, ela recorria a estereotipo inicial para depois desvendar personagens profundos, mas sem perder a graça.

O show tinha como foco a vida de duas garotas rivais e de seus grupos de amigos: Os populares e os impopulares.

Os populares são encabeçados por Brooke McQueen (Leslie Bibb, Iron Man 1 & 2), a garota mais cobiçada da escola e chefe das Cheeleaders do “Glamazon Cheerleading Squad”, que tinha como melhores amigas (e rivais) Nicole Julian (Tammy Lynn Michaels, The L Word), que tenta de qualquer jeito tomar o lugar de Brooke dentro das Glamazons e se tornar mais popular que a amiga sempre bolando planos mirabolantes que, quase sempre, dão errado e Mary Cherry (Leslie Grossman, What I Like About You), que tem a maestria em duas coisas: em ser a mais rica e a mais burra de todas as cheeledears. Muito mimada e totalmente sem escrúpulos, ela chega a ser um tanto psicotica em alguns momentos.

Entre os populares também estão Josh Ford (Bryce Johnson, The Mentalist), namorado io-io de Brooke que é o quarterback do time de futebol e, por sua vez, também é o cara mais famoso e cobiçado da escola e anda sempre acompanhado de seu melhor amigo Michael ‘Sugar Daddy’ Bernardino (Ron Lester), um gordinho metido a rapper, mas também muito popular e do time, que tem no fundo baixa auto-estima por ser gordo demais e achar que nunca será amado por ninguém.

Pelos impopulares estão Samantha “Sam” McPherson (Carly Pope, 24 Horas), um tanto quanto presunçosa. Ela é a editora do jornal da escola, o “Zapruder Reporter!” e fazia várias denuncias contra os problemas da Kennedy High. Ela tinha 3 amigos: Harrison John (Christopher Gorham, Harper’s Island e Ugly Betty), o nerd apaixonado por Brooke, a sonhadora Carmen Ferrara (Sara Rue, The Big Bang Theory) e a sempre engajada Lily Esposito (Tamara Mello).

Até este ponto tudo igual, dois grupos lutando pelo poder. O diferencial acontece quando logo nos primeiros capítulos, o pai de Brooke e a mãe de Sam acabam se envolvendo romanticamente e resolvem morar juntos obrigando as rivais a morarem sob o mesmo teto. A partir daí, tudo o que parecia apenas afetar a vida escolar delas, passa a afetar tudo durante 24 horas por dia trazendo as mais variadas conseqüências para todos os envolvidos.

Fora isso, a série buscava mostrar como os personagens, apesar do clichê adolescente, traziam muitas nuances que eram exibidas durante as temporadas. Como exemplo disso, temos os problemas de Brooke para se manter bela, a baixa auto-estima de Sugar Daddy por ser gordo demais e achar que nunca será amado por ninguém e Nicole com sua mãe alcoólatra. Existiram tentativas de mostrar outros problemas típicos da adolescência, mas talvez por ser uma série exibida pela Warner Bros., muitas tramas sofreram “censura” e não foram abordadas, como a gravidez de Carmen que, no fim, não passou de um susto.

Nos EUA, a série foi produzida pela Touchstone e foi exibida na WB, entre os anos de 1999 e 2001. Já aqui no Brasil, ela foi transmitida pelo canal de TV a cabo Sony e, depois de algum tempo, passou no SBT, onde recebeu o nome de “Popularidade”.

Popular foi uma série teve apenas duas temporadas e 43 episódios, mesmo assim. conquistou um público fiel, que gostava das tiradas sarcásticas, das falas irônicas e do humor negro com que a série tratava os dramas do mundo dos adolescentes, evitando o excesso de drama recorrente nesse tipo de série.

Suas duas temporadas já foram lançadas em DVD nos EUA, mas no Brasil, ainda não há previsão. Quem tiver um amigo no exterior, vale apena pegar o DVD emprestado e dar uma olhadinha.

“Popularidade”

Curiosidades:

Ainda tinha muito para contar: Segundo seu criador Ryan Murphy, a 3ª temporada teria o drama de Brooke morena e todos os personagens, após um salto de 5 anos no tempo, indo morar em Melrose Place, o célebre prédio que dá nome a série homônima que teve seu reboot esse ano.

Muito antes de Glee:
Madonna foi muito tocada durante os episódios sendo que Vogue e Music ganharam até mesmo clipes dentro da série.

Sobre o Autor

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

Personagem afeminado de Cavaleiros do Zodíaco será mulher em remake da Netflix.

Confira o que achamos da versão ilustrada de Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban em português.

Wanessa tá de clipe novo. E o clipe define o que "é ruim mas é bom".

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!