Quando HQs e música se encontram

No fim de semana do Lollapalooza e em tempos de convergência (não confundir com a saga da DC/Panini), nada mais natural do que 5 séries comprovarem que, quando HQs e música se encontram, pode surgir coisa muito boa.

5 — Cristal

A mutante capaz de converter som em luz é praticamente uma pista de dança ambulante, e surgiu justamente no auge da discoteca, no final dos anos 70, nas histórias dos X-Men. O visual também refletia o espírito dos tempos. Quem consegue hoje imaginar uma heroína de collant prateado, maquiagem psicodélica, um colar de globo espelhado… e patins?! Cristal foi criada por conta de uma parceria da Marvel com a Casablanca Records. Na época, a ideia era fazer um filme da personagem, estrelado pela atriz Bo Derek. Mas esse filme jamais viu a luz do dia…

4 — Scott Pilgrim

Quem viu o filme sabe que a história de Scott Pilgrim, personagem de Bryan Lee O’Malley, é cheia de referências à cultura pop, passando por vídeo games e, é claro, muita música. O próprio Scott é um baixista da banda Sex Bob-Omb, e no primeiro volume da série precisa enfrentar a Liga dos Ex-Namorados do Mal antes de ficar com Ramona Flowers. Com forte referências do traço dos mangás, o autor criou no universo de Scott um senso de familiaridade com a vida cotidiana dos leitores, devidamente invadida pelo absurdo da ficção.

3 — Kiss: Psycho Circus

Nenhuma banda de rock tem o visual mais pronto para uma HQ do que o Kiss. E foi exatamente isso o que levou Todd McFarlane, criador do Spawn, a lançar a série Psycho Circus, quando o Kiss reuniu sua formação original e lançou o álbum do mesmo nome. Nos quadrinhos, os integrantes da banda são conhecidos como Os-Quatro-Que-São-Um. Mais especificamente: o Demônio (Gene Simmons), o Portador das Estrelas (Paul Stanley), o Rei das Feras (Peter Criss) e o Celestial (Ace Frehley). Psicodelia pura!

2 — Umbrella Academy

E quando a música é parte da vida do criador de uma HQ? No caso de Umbrella Academy, criada pelo vocalista Gerard Way da banda My Chemical Romance, o resultado é o Prêmio Eisner, o Oscar dos quadrinhos. Ilustrada pelo brasileiro Gabriel Bá para a editora Dark Horse, a série acompanha a vida de sete jovens que nasceram com super-poderes espalhados por um mundo no qual o presidente Kennedy, dos Estados Unidos, jamais foi assassinado.

1 — The Wicked + The Divine

Essa nova série da Image Comics ainda é inédita no Brasil, mas já está fazendo sucesso lá fora. Ela acompanha a saga do grupo conhecido como Panteão, composto por 12 pessoas que descobrem ser divindades reencarnadas. Com a descoberta, vem poderes fantásticos e muita fama — e o fato de que morrerão em dois anos, parte de um ciclo que se repete a cada 90 anos conhecido como A Recorrência. Qualquer semelhança com a relação que temos com os ídolos da música pop NÃO É mera coincidência…

Sobre o Autor

Avatar

BOXPOP

Site especializado em cultura pop, fundado em agosto de 2007. Confira nossos podcasts, vídeos no youtube e posts em redes sociais. Interessados em contribuir como autor no site podem entrar em contato: contato@boxpop.com.br

Deixe um comentário

clique para comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

OUÇA O BOXCAST

VIDEOCAST

A Fazenda voltou e o que esperamos? Memes! Mas será que os novos memes superam estes??? Clique e assista agora.

Será que você sobreviveria em American Horror Story 1984? Assista ao vídeo e prepare-se para a nova temporada.

Curiosidades de Euphoria, a série BAFOOOO da HBO.

SEJA UM PADRINHO!

Contribua!

OUÇA ACABEI DE LER